5 de janeiro de 2015

Dois mil e quinze


Prefiro não transformar desejos ou metas em promessas
Eu nunca as cumpro...
Mas de uma forma ou de outra
Que nesses novos dias eu tenha força
Para pensar menos,
Viver o agora, sem antes nem depois.
Que eu tenha paciência, o que talvez seja o mais importante
Pois o amor todos têm
Mas a impaciência às vezes o afoga.
E por último, para temperar a receita,
Equilíbrio e amor próprio.

(Gláucia Minetto Martins)

Feliz 2015!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário