12 de dezembro de 2014

Turbilhão

Mil tarefas a fazer
Mas algo me pegou
Descodificando sentimentos em palavras,
Não paro de escrever.
Preciso ser mais forte
Submergir desse turbilhão
Pois cada coisa tem sua hora
Nesse exato momento
Preciso seguir minhas horas planejadas.

(Gláucia Minetto Martins)

2 comentários:

  1. Emergir do turbilhão é impossível, quando é nosso coração, a origem dessas forças sobrenaturais. O jeito é deixar-se levar. O coração agradece. rs Beijossssssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! O melhor a fazer quando a inspiração vêm, é escrever até esgotar todas as ideias. haha
      Mil beijos.

      Excluir