23 de agosto de 2014

Rosas na sacada

imagem

A você, escrevo uma música
Entoo um cântico sobre histórias épicas
Cenas de luta, gritos de guerra
Princesas e príncipes presos em castelos
Guardas mortos nas fortalezas...
A você forjo um elmo e uma espada
No alto da colina vou descansar
E esperar o seu cavalo na estrada
Que você nele permaneça montado.
Que as armas dos derrotados
Se transformem em templo sagrado
Em memória a todos aqueles
Que um dia viram o Santo Graal.

Todos os anjos estão mortos
E todos os homens caminham sobre sangue
Com rosas nas mãos e calos nos pés
Arrastando enxadas e crianças de colo
Dispostos em fileira eles cantam ou choram
Caminham acima do rio
Separados por uma ponte de ossos
Pensando naqueles que deixaram para trás.

(Gláucia Minetto Martins)