6 de outubro de 2013

Sobre esse gosto na minha boca

Ah, como é amargo
O gosto das coisas que não fizemos.
Um beijo,
Um abraço,
Uma palavra,
Uma declaração,
Uma simples verdade...
Mas fazer voltar o tempo já não basta
Pois o sentimento novo e cheio de expectativas
Já foi corrompido
E agora não há mais o que fazer
Além de segurar a ânsia de um "já foi"
E seguir em frente
Esperando fazer o que se tiver vontade.

(Gláucia Minetto Martins)

Nenhum comentário:

Postar um comentário